Amamentação Sem Mitos

Desafios da Amamentação: quando o bebê não pega o peito

Quando a minha filha nasceu, já contei aqui, não aconteceu o momento mágico: ela não começou a mamar instintivamente, como seria esperado de qualquer mamífero que nasça saudável. Levamos três dias (justamente após a saída da maternidade) para realmente considerar que ela mamava. Antes disso, foi uma tensão inesquecível que vivi.

Por que ela não mamou? Hoje, elejo vários erros que a tornaram uma guerreira por ter superado todas as barreiras que impusemos a ela: (1) foi uma cesárea, (2) foi eletiva, (3) não teve contato pele a pele ao nascimento, (4) foi levada a mim após 6 horas do seu nascimento e (5) e (o grand finale) recebeu fórmula antes de tentar a primeira mamada. Ah… E vez ou outra ela era levada de mim ao longo dos 3 dias. Sim… Me sinto péssima por ter deixado tudo isso acontecer (mas não deveria, pois isso é dever da equipe de saúde… Zelar pela saúde do bebê).

Fora isso, o apoio na maternidade foi torto. Hoje, depois de ter aprendido muito sobre amamentação, ao rever o vídeo com a enfermeira forçando a Manu a pegar meu seio, fazendo tesoura com os dedos (e estimulando a abocanhar somente o mamilo e não a aréola) e me oferecendo o bico de silicone porque, segundo ela, eu tinha um bico muito curto, parece o manual do que não se fazer com um recém nascido. Só considero positivo tudo isso porque, indiretamente, o fato de sempre ter uma enfermeira lá tentando fazer a amamentação acontecer me deu forças para seguir em frente. Tenho certeza que, se em vez disso, uma delas tivesse me oferecido a fórmula, por fragilidade e falta de experiência, teria aceitado.

Hoje, 32 meses após esses momentos, com a Manu em amamentação prolongada, recebo vários pedidos de ajuda de puérperas, principalmente, nos primeiros dias de vida do bebê. Geralmente, esses pedidos chegam durante a madrugada ou no começo da manhã. E eu fico imaginando aquela mãe que passou a noite quebrando a cabeça, vendo o bebê chorar, o peito encher, com dor e se vendo perdida. Provavelmente, essa mãe se manteve durona durante o dia todo, entre visitas e ligações, tentando passar a imagem de que estava tudo bem. E eu me vejo nessas mulheres.

bebe

Como ajudá-las? Vou elencar aqui alguns cuidados fundamentais!

  1. Procure ajuda e rápido. Essa precisa ser a primeira sugestão. Ainda não faz parte dos hábitos da nossa sociedade o de buscar orientação profissional quando se tem dificuldade de amamentação e isso é um erro grave. Pode ser uma consultora indo à sua casa (isso é lindo e ideal, mas nem sempre possível), mas os bancos de leite humano são grandes parceiros nesse momento e extremamente dispostos e capacitados a te orientar. O pediatra do seu filho (desde que seja alguém que defenda a amamentação), a equipe da unidade básica de saúde próxima à sua casa, instituições que trabalham com puericultura…. Todas essas são alternativas que podem dar apoio. E quando falo “não demore” é porque uma dificuldade de pega simples pode gerar diversos desdobramentos em um ou dois dias. E dificilmente conseguimos corrigir essa situação sozinhas!
  2. Conecte-se ao seu bebê! Muitas vezes, conhecemos a técnica da amamentação, mas estamos tão presas somente a ela que não damos espaço para o envolvimento emocional que precisa ter no momento. Mais do que uma poltrona bacana, almofada, sutiã adequado, você precisa estar em sintonia com o seu filho. E isso não rola tão facilmente com plateia. Eu simplesmente não amamentava a Manu nas primeiras semanas com outras pessoas. A gente tinha que ficar muito à vontade (isso inclui pouca roupa), tínhamos muito a conversar e precisávamos “namorar” muito naqueles momentos. E isso é muito mais do que técnica! É envolvimento!
  3. Confie em você! Você deve ter esperado muito para estar com seu bebê nos seus braços e tenha certeza que, independente da sua falta de habilidade, seu bebê não deseja estar em outro lugar do mundo que não seja no seu colo. Por mais que ouça informações de que você pode não ter leite, de que fulana não conseguiu amamentar ou que o bebê de ciclana não pegou o seio, mantenha-se firme. Acredite! Essas pessoas também poderiam ter amamentado, mas não foram apoiadas e certamente não acreditaram no seu potencial. Ninguém conta o contrário, mas vou te falar: mulheres com mamilo invertido conseguem amamentar, com prótese de silicone, com peito grande, com peito pequeno, mães adotivas… Você, como muitas, pode não ter o bico perfeito (ou pode ter dois bicos diferentes e o bebê preferir um deles), mas o bebê aprenderá a mamar se dermos a ele essa oportunidade. E lembre-se, o bebê não mama no mamilo… Ele mama na aréola.
  4. Você está com a mama cheia? É incrível, mas isso pode atrapalhar muito a pega do bebê. Uma mama cheia, além de aumentar muito a chance de você sentir dor, não facilita que o bebê faça a pega. Então, ordenhe com as próprias mãos para que a mama fica mais macia. Se sentir qualquer nódulo (o famoso leite empedrado), faça massagens com as pontas dos dedos até que ele suma. Não se assuste… Talvez você precise ordenhar muito! E, nos momentos em que não estiver com o bebê, faça compressas frias nesses primeiros dias.
  5. Fique confortável! Se você está sem banho, com dor, com fome, será mais difícil passar horas tentando amamentar. Então, tome um banho, faça um lanche, veja uma posição confortável onde seus ombros possam ficar relaxados, coloque uma música… Somente aí pegue o bebê! Não é fácil acolher quando você precisa de cuidados também.
  6. Observe como você pega o bebê. Olhe se ele está totalmente virado para você e se não está torto ou mal acomodado. Existe a forma mais clássica de se amamentar o bebê, mas nem sempre a clássica funcionará para todos os bebês. Às vezes, um desconforto que ele sente ao ser colocado na posição de amamentar faz com que ele não queira mamar (ele pode ter se machucado durante o parto e ninguém perceber). Olhe aqui outras posições que são indicadas.

Imagem retirada do site http://educacaoprenatal.blogspot.com

  1. Estimule o reflexo de pega do bebê. Para isso, toque sutilmente os lábios dele com o mamilo para que ele abra a boca para mamar. Não force a barra para ele mamar, sem antes ele abrir espontaneamente a boca.
  2. Não faça mão em tesoura, mas ajude a projetar seu mamilo. Com a mão em “C”, sendo o polegar sobre o seio e os demais dedos o apoiando, você pode apertá-lo um pouco para que o bebê consiga fazer a pega com mais facilidade.

Imagem retirada do site do GVA (Grupo Virtual de Amamentação)

  1. Agora sim: observe a pega! Já escrevi um post bem detalhado sobre isso e, aqui, fiz questão de não colocar como o item mais importante de forma proposital. Veja se ele fica com a boca bem aberta, parecendo um peixinho, abocanhando um pedaço da aréola. Você inclusive consegue ver a língua na parte de baixo da aréola. O queixo dele também ficará encostado no seu seio. Boca pouco aberta, bebê fazendo covinhas nas bochechas para sugar, e sucção com barulho são sinais de que a pega não está correta. Você poderá ajudá-lo puxando levemente seu queixo para que abra mais a boca.
  2. Avalie o freio da língua do bebê. Na verdade, será o profissional da saúde que deve fazer isso (então, cobre isso dele). Se estiver com algum problema, isso dificulta a amamentação e a correção é um procedimento bastante simples.
  3. Se o bebê está muito irritado (provavelmente pela fome), dê um pouco do leite ordenhado com o auxílio de um copinho. Estando mais calmo, é mais fácil dele também pegar o seio.

Essas foram algumas sugestões bem importantes que poderão te ajudar. Existem muitas outras e, por isso mesmo, sugeri a importância de se buscar ajuda. Nada como uma conversa feita pessoalmente, observando o bebê e a mãe para trazermos o apoio mais adequado.

24 Comments

  • Ótimas dicas e super úteis, principalmente no momento mais delicado, o de amamentar frente a tantas opções que são oferecidas, conhecidas como as mais fáceis! Se toda mãe tiver em mente que quer amamentar e tem capacidade para isso, siga firme seu propósito e, caso não consiga, peça ajuda! As vezes o problema é solucionado de forma simples e rápida! Sou 100% a favor da amamentação e afirmo que não existe nada tão completo e tão adequado quanto o leite materno para um bebê! Excelente matéria!

  • Olá, boa noite!
    Minha bebê está com 22 dias de vida desde que ela nasceu até hoje não conseguimos que a mesma mamasse no peito. Lá na maternidade aonde ela nasceu eles davam a ela o complemento na seringa, é eu sei, um erro, deveriam dar no copinho, mas eu mãe de primeira viagem não sabia e o meu desespero ao ver minha bebê sem pegar o peito e gritando de fome, achei que fosse a melhor solução. Hoje, tento em casa as vezes ela pega e solta o bico na mesma hora, na verdade meu bico é curtíssimo, o que dificulta ainda mais a pega. Enfim, meu sonho é amamentar minha bebê, logo no inicio ao sair da maternidade como a minha bebê não pegava o peito e não havia sugado nem o colostro, meu peito deu edema, sofri muito com isso, hoje ao meu ver eu não não tenho leite, mas se eu aperto os meus seios, sai umas gotinhas de leite, o quê indica que talvez eu ainda tenha leite e não secou como eu havia pensado. Por favor, ainda não desisti de amamentar, aliás esse é meu maior sonho, mas depois de tantos dias de nascidas e tentativas sem sucesso, será que minha bebê ainda pode pegar o peito? Agradeço toda a ajuda e atenção!

    • Olá Raphaela! Em primeiro lugar, não se culpe por não ter feito isso ou aquilo. Pós-parto para nós é um momento extremamente delicado. Se alguém cometeu erros, não foi você, mas os profissionais que não te apoiaram. De onde você é? Tem condições de voltar a amamentar sim. É trabalhoso mas é possível. Para isso, você precisa de ajuda. Algum banco de leite na cidade? Ah… E como está dando a fórmula? Se puder, me chame inbox no Facebook. Bjs

  • Me identifiquei muito com a matéria…. Comigo foi exatamente igual, muita dificuldade e pouca orientação efetiva… parabéns pelo trabalho! !!

  • Olá boa noite meu quando meu bebe nasceu também foi igual não tive nenhum insentivo para amamentar pelos profissionais do hospital eles preferiram dar a ele leite industrializado ao invés do meu leite que é muito mais rico e completo em tudo
    Então desde aí venho tentando colocar ele pra mamar no seio no começo ele até mamava muito mas agora que está com 3 meses não quer mais saber da muita birra chora esperneia só quer saber da mamadeira porque ele até então mamava em mim e o complemento mas aí agora não quer mais meu peito e eu não quero desistir quero que ele mame em mim só em mim mas não consigo aqui na minha cidade não tem banco de leite já fui em um aqui em uma cidade vizinha me ajudou muito mas fico naquela que meu leite é pouco não sustenta meu bebe e tal por favor me ajuda me de algumas dicas pra que eu posso realmente amamentar exclusivamente! Desde já obrigada grande beijo

    • Oi Iara! Isso se chama confusão de bicos. A sucção que ele precisa fazer na mamadeira é diferente daquela que ele usa no seio. E é mais fácil a mamadeira. Por isso, alguns bebês largam o peito tão cedo. Para reverter isso, o primeiro passo é interromper a mamadeira. Se precisar de complemento ainda, dê em um copinho. Se tiver chupetas, também é importante tirar. Será trabalhoso mas como ele é novo, tem grandes chances de reverter! Boa sorte e nos escreva!

  • Ol
    Meu problema é outro, o meu bebe mama, mas o problema é mesmo a quantidade de leite, quando o peito tem leite consigo
    Tirar 90ml e as vezes 120ml ke é o ke ele mama, só que passado 2 horas ele ker mamar outra vez e o meu peito nao tem leite, só ao fim de 3h ou 4horas. O que faço para aumentar o leite?? Tenho feito a estimulaçao e bebido 2l de agua. Mas mesmo assim nao tem resultado.Estou desesperada. Meu bebe tem 2 meses.

    • Oi Nadia, tudo bem? Eu não entendi uma coisa… por que você está ordenhando? Trabalho? Fora essa dúvida que fiquei, é importante você retomar a confiança que você tem leite. O que sai em uma ordenha não chega perto do que um bebê consegue tirar. E o leite nunca termina. Só diminui o volume que sai. Se você amamenta em livre demanda, sem relógio, sem outros bicos… fica tudo mais fácil! Você pode não estar sentindo o peito cheio, mas o leite está lá! Sabe o que ajuda o leite a descer, além de amamentar muito? Ficar perto do bebê, ficar tranquila, descansar um pouco, ganhar uma massagem bem relaxante 😉

      • Ola
        Eu comecei a ordenhar porke meu filho é um pouco dorminhoco e adurmece sempre a mamar e é mt dificil acordá lo. Ele sempre aumentou de peso entre 240 a 290gr mas o medico começou a dizer ke ele tinha ke engordar um bukadinho mais em kada semana (o ke eu nao axo, axo ke ele ta mt bem, ainda nao tem 2 meses e ja tem 5,100kg) ou entao tinha ke dar complemento, e eu entao komecei a tentar ordenhar para assim conseguir controlar a quantidade ke ele mamava e assim nao corria o risco de ele adurmecer e nao mamar o suficiente
        Mas o problema é ke kuando konsigo tirar o leite kom a bomba e tiro 90ml ou 120ml dou para o bebe e passado 2 horas kuando ele ker mamar outra vez tento dar a mama e ele pega a mama e larga logo de seguida fazendo isso varias vezes como se eu nao tivesse leite e xora.. mas passado 3 horas ou 4h ja consigo tirar leite outra
        Vez, o problema é ke ele mama de 2h em 2h. Daí eu perguntar o ke fazer para aumentar a produçao? Ja me falaram no suplemento natural PROMIL, o ke axa
        Bj e mt obrigada

  • Nadia… que bom que vc optou pelo seu próprio leite em vez da fórmula! Parabéns pela decisão! Porém, bebês tendem a ser mais dorminhocos nas primeiras semanas. Com dois meses, não justificaria muito essa ordenha. E você dá na mamadeira? Se sim, isso pode ser prejudicial para vocês por causar confusão de bicos (aí o bebê pode rejeitar o seu peito). Deixe seu bebê mamar diretamente no peito. Nada melhor para estimular a produção de leite do que a própria sucção do bebê. Aí sim a sua produção vai ser mantida. Remédios não possuem efeito comprovado e podem mais atrapalhar do que ajudar. Espero que dê certo!

    • Ola
      Sim dava na mamadeira mas dakelas que imitam a forma do seio. Apesar de nao ser a mesma coisa
      Hoje nao usei a maquina. Tenho dado só peito. Mas assim nao sei a quantidade que mama, e faz me pensar que nao mama muito porke ele mama muito rapido em 5 ou 10 minutos ta despaxado e depois tento oferecer mahs mas ele rejeita.. será que 10 minutos mama o suficiente? Com a bomba demoro muito mais tempo para conseguir a quantidade desejada
      Bj obrigada é uma grande ajuda

      • Infelizmente, não existem mamadeiras que não levem ao risco da confusão de bicos. Não se preocupe em saber a quantidade que mama. Mesmo mamando rápido, pode ser o tempo suficiente para esvaziar o peito. Bebês são melhores do que qq bomba 😉 Retire a mamadeira e permita que mame à vontade!

  • Olá minha bebê tem 25 dias de nascida e ñ consegui amamentar então ela ja toma leite em pó, dei bastante leite nos seios, tentei bastante mas ela chorava de ficar roxa sem querer o peito, tive um parto Cesário qd ela nasceu ñ colocaram ela no meu peito ela passou uma hora pra ser alimentada depois do parto e foi logo para o suplemento no copinho, daí a equipe do Banco de leite disse que meu bico do peito era transversal e mandaram colocar o bico de silicone chegando em casa tentei novamente sozinha, meu peito sangrou feriu e fiz o bico mas mesmo assim nada agora meu leite diminuiu ñ digo que secou pq ainda tem um pouco de leite me sinto muito triste por ñ conseguir amamentar minha bebê, e acho que qd cheguei em casa foi pior pq tive bastante estresse cada um falando o que eu devia ou ñ faser e acho que tudo isso contribuiu e afetou, eu me sinto triste e Faria qualquer coisa pra minha filha pegar o peito.

  • Boa noite…Estou desesperada! Meu bebe tem 9 dias e cada mamada é uma tortura, pois ele tenta e não consegue pegar o peito. Já fui no postinho e até as enfermeiras ficaram surpresas com a resistencia dele uma vez que eu estava fazendo tudo certo. Nos 2 primeiros dias ele quese nao mamava, depois, embora com muita resistencia, cerca de 30 min tentando, ele conseguia mamar uns 20 minutos…Agora ele continua com dificuldade de pega, mas esta mamando so 10 minutos (estou com medo de ele estar passando fome). Pior, numa das noites em que ele mamou 8 minutos, tentei ordenhar e saiu apenas 5 mls de leite…Não sei mais o que fazer e nao consigo saber se meu leite esta sendo suficiente.Fora isso, ele mama com intervalos de 4 horas ou mais, se recusando a pegar antes desse intervalo..

  • Olá, minha bb está com 3 meses e meio e sempre mamou no peito. No entanto, de uns dias pra cá é um sacrifício p pegar o peito e só mama qdo esta morrendo de fome e por uns 5 minutos. A noite quando acorda mama melhor. O q pode ser? Já ordenhei várias x e dei na mamadeira mesmo pq não no copinho estava desperdiçando muito. Mas. Ao sei até quando vai isso. O que pode ser?

    • Olá Patricia! Você já leu sobre exterogestação? Nos primeiros 3 meses, o bebê está praticamente dentro da barriga. Depois, ele fica mais atento ao mundo! Aí, para mamar, ele também se distrai e o padrão de amamentação muda mesmo. Então, só observe se ele continua ativo, fazendo xixi e cocô normalmente. Caso esteja, não se preocupe em querer dar mais peito do que ele pede. E não precisa dar na mamadeira, principalmente, pois aí sim você aumenta a chance dele recusar o peito. Também vale a pena ir para lugares mais tranquilos e sem outras pessoas na hora de amamentar. Logo as coisas devem se acalmar! Beijos

  • Eu fiz cesárea e o meu bebê mamou no peito, tomou complemento no copinho na Maternidade e hoje com 4 meses mama somente leite materno. Tenho uma amiga que teve parto humanizado e o bebê dela não sabe mamar. Acho que o tipo de parto não influencia em nada. Minha mãe fez 3 cesáreas pois não entrava em trabalho de parto e amamentou os 3 filhos.

    • Conseguir amamentar ou não envolve muitos fatores. Não é somente um ou outro que determinará sucesso ou fracasso. Mas, mesmo você não acreditando, a via de parto é um dos fatores. Receber complemento é outro que está associado. Tem literatura que mostra isso com muito mais pessoas do que as que você ou eu conseguiríamos conhecer. Da mesma forma que existe literatura que mostra que mulheres são capazes de entrar em trabalho de parto 😉

  • Meu bebê está com 17 dias e ele não quer saber de pegar o peito. Já lutamos muito e até agora nada 😢😢. Meu sonho sempre foi amamentar e eu tenho muito leite mais ele pega 😢😢😢

      • Oi. Os 6 primeiros dias nada, tentei sem é com o bico de silicone e quando ele ficava com muita fome dava no copinho isso foi até o décimo dia. Agora estou dando na mamadeira e a única maneira que ele tem pego um pouco de uns 3 dias pra cá foi com o bico de silicone. O bico no peito dês da maternidade ele não quer nem tentar sugar.
        PS.: agora que ele começou a procurar o peito quando o encosto em mim.

        • Em que cidade você está? Tem banco de leite? Ou consegue buscar uma boa consultora? Bebês, muitas vezes, não mamam no automático. Precisa de paciência, mudar posição, cuidar da forma de oferecer. E, por causa da tensão, como mãe, você fica com dificuldades para fazer isso sozinha. Quando tive minha filha, também tive muita dificuldade. Mas, uma coisa de digo. Aliás, duas! É super possível fazer a amamentação engatar! E o primeiro passo para isso é cuidar para não ser bicos artificiais. Veja: seu bebê ainda não se adaptou ao seu bico. Se existirem outros, vai ficar bem mais complicado. Enquanto isso, tente ordenhar e oferecer no copinho mesmo. Mas busque ajuda! Vale a pena!

Leave a Comment